Bandagens elásticas previnem lesões?

4 de março de 2021 por Osmar0
Captura-de-Tela-2021-03-05-às-08.45.01.png

As bandagens elásticas foram desenvolvidas na década de 70, na Ásia, mais especificamente no Japão pelo quiropraxista Kenzo Kaze , que idealizou que por meio de pressão e força sobre músculos e articulações ocorreria apoio e estabilidade.

A bandagem elástica é um recurso terapêutico para quem pratica atividades físicas, mas também em patologias neurológicas e ortopédicas. O seu objetivo é buscar  reeducação postural,  reduzir o quadro inflamatório com a melhora da circulação sanguínea e consequentemente diminuir a dor,  a propriocepção e desta forma promover a reabilitação física, bem como atuar na prevenção de lesões musculares e articulares

Existem 2 tipos de bandagens elásticas:

  • Rígidas cujo objetivo é estabilizar a articulação, limitando movimentos
  • Funcionais já permitem livremente os movimentos

A aplicação de bandagens deve ser feita por profissional qualificado, que normalmente é  um fisioterapeuta com formação especializada.

Há que se ter cautela na sua aplicação em gestantes.

As contra-indicações de seu uso são voltadas para:

  • Quadros alérgicos, uma vez que o material da bandagem é sintético à base de elastano
  • Em feridas abertas ou cancerígenas ou que denotam infeção
  • Fraturas e rupturas completas de tendão
  • Diabéticos
  • Doentes renais
  • Portadores de trombose

 

 


Faça seu Comentário

Seu e-mail não está cadastrado. Preencha os campos com *, eles são Obrigatórios!


instituto
O Instituto Osmar de Oliveira construiu ao longo destes últimos 40 anos uma trajetória de sucesso e profissionalismo, tornando-se referência em São Paulo na área da Ortopedia, Medicina Esportiva e Reabilitação.

R. Dona Germaine Burchard, 332 - Perdizes - São Paulo - SP - CEP 05002-061

Últimos artigos publicados